Tradutor

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Converter Arquivos DXF ou DWG do AutoCAD para Arquivos ESRI .SHP (shapefile)

Olá pessoal!

Hoje recebi um pedido de ajuda de um amigo, e me propus ajudar.

Segue abaixo a matéria completa, onde mostro programas gratuitos e serviços Online para conversão de arquivos em DWG ou DXF para SHP.

Espero que ajude!

1° Programa ESurvey

Este software livre irá converter um arquivo do AutoCAD (DXF ou DWG) para um arquivo shape. 

É absolutamente GRÁTIS!

Instalando ESurvey:
 
Instale ESurvey forma como qualquer outro aplicativo do Windows. 

ESurvey Forma fica instalado em um diretório C: Diretório Forma \ ESurvey \ ESurvey.

Achei interessante colocar o Vídeo demostrativo mostrando o programa.

Quer traduzir o Vídeo?




Você tem que usar ESuvey forma com em CAD (AutoCAD / BricsCAD / GstarCAD / ZWCAD). 

Após a instalação você abrir pacote CAD. 

Carregar Lisp (Load Aplicação) usando o menu Ferramentas ou usando APPLOAD Command and Load


C: \ ESurvey \ ESurveyShape \ LoadESurveyShape.Fas lisp.

Confira o Exemplo abaixo na imagem como configurar no AutoCAD 2014 



Agora de menu é carregado em seu aplicativo CAD.


ESurvey Forma Comandos:
 
Existem apenas 3 comandos nesta aplicação compacto.
 
Primeiro, abra seu desenho (DWG ou DXF) no seu aplicativo CAD (AutoCAD / ZWCAD / GstarCAD / BricsCAD).
 
[Nota: Para julgamento imediato Uma Amostra também está disponível em C:. \ ESurvey \ ESurveyKML \ Sample]
 
SHPE: Criar Shape File:
 
Você pode exportar texto, polígono, Polylines selecionando Entidades usando o comando SHPE. 

Por favor, note que você especificar Nome da zona (Que Hemisfério e Quais Latitude longitude Zona) durante a criação de arquivos de forma como os navegadores populares como Forma Arc GIS espera que as entidades coordenem para Coordenadas UTM.

Quando você executa o comando e selecionar entidades, Shape arquivos são criados em C: \ ESurvey \ Temp \ Diretório ShapeOut.



Você será capaz de usar esses arquivos de forma em suas aplicações. 

Se você quiser apenas para procurar os arquivos de forma, então você pode usar qualquer navegador Forma de arquivo.
 
A seguir está o link para download - Forma Livre aplicativo visualizador de arquivos.
 
Fácil GIS. NET desktop   http://www.easygisdotnet.com/Products.aspx
 
EGIS Explorer   http://free-shapefile-viewer.soft32.com/

 


 Este procedimento irá criar simples arquivo de forma com entidades básicas. 

No caso, se você quiser anexar mais campos de banco de dados para você entidades, então você tem que criar bloco de atributo com campos de dados necessários em seu desenho e antes de usar o comando SHPE você precisa anexar atributos para respectivas entidades usando Anexar atributos de comando (ATCH).
 

No caso, se você quiser ver o que atributo está ligado a uma entidade selecionada, você pode usar o comando check Atributo Anexo relacionado (chka)


Uma vez que o arquivo Shape é criado, você pode poderá visualizar o arquivo de forma usando os aplicativos que suportam arquivos de forma. 

Há alguns usuários arquivo de forma que pode ser baixado gratuitamente:
 
  1. Fácil GIS. NET desktop   http://www.easygisdotnet.com/Products.aspx  
  2. EGIS Explorer:   http://www.qarah.com/shapeviewer/
Muito obrigado para a instalação e uso de forma Esurvey.

Clique aqui e faça o download Grátis!


Fonte: www.esurveying.net

Também encontrei outros sites bem interessantes, e resolvi Deixar os links abaixo:

Este é um Programa executável, funciona mesmo, muito bom. Porem ele é trial. (Trinta dias grátis).


http://www.guthcad.com/cad2shape.htm

**************************************************************************************************

Conversor Online DXF e DWG para shapefile Grátis!

Este conversor on-line gratuito irá traduzir um arquivo do AutoCAD (em formato DXF e DWG) para um shapefile ou formato KML.

Escolha o formato de saída que você deseja e selecione o arquivo de entrada, em seguida, pressione Converter arquivo.



O site também possui uma ferramenta que permitirá que você converter um arquivo CSV para DXF ou formato Shapefile. 

O arquivo deve ter duas colunas rotuladas "x" e "y", que contêm suas coordenadas.

Note-se que esta conversão lida com apenas pontos. Se você quiser converter arquivos CSV polígono, considere usar o aplicativo conversor de desktop mais velho do Windows.
http://acadconverter.chrismichaelis.com/v2012/

**************************************************************************************************


Este programa simples permite que você importe SHP / SHX / DBF no AutoCAD, anexando uma cópia das tabelas de objetos gráficos no desenho utilizando as ferramentas de banco de dados já disponíveis no AutoCAD.

O desenho importado é um desenho AutoCAD normal, 100% compatível com o AutoCAD Map 2008.


O programa irá importa-lo em arquivos Forma AutoCAD do tipo Point, PointM, Pointz, PolyLine, PolilinhaM, PolilinhaZ, Polygon e PolígonoM, PolígonoZ.


Não há arquivos Forma de importação em arquivo AutoCAD MultiPatch (tais como superfícies 3D).

Atributos vinculados são mantidos em seu formato original (DBF), sem alterar as tabelas durante a importação, mas copiá-los para uma pasta no projeto e conectá-los usando uma conexão de dados para o AutoCAD (UDL).
 


Este programa ajuda aqueles que trabalham em AutoCAD com mapas em ESRI ArcGIS ou ArchView (arquivos SHP).
 
ImportShapes permite importar em camadas diferentes e com diferentes cores ou texturas arquivos Shape, criando eventualmente de forma automática as camadas e blocos, se necessário.


http://www.abccorsicad.it/software_autocad.html#ImportShapes_SHP_ESRI_AutoCAD

Bom, foi o que encontrei.

Espero que ajude.

Sucesso a Todos! 

quarta-feira, 20 de março de 2013

Colet_Importando e Exportando Cadernetas de Campo. Arquivo (gsi) Estação Total Leica TC307...

Olá! Seja bem Vindo ao Blog!

Precisando transformar os dados coletados no campo, para uma Caderneta de Campo?

Com ângulos(verticais e horizontais), distancias e descrições de cada ponto?

O AutoCAD Civil reconhece a caderneta de campo com o nome de "fieldbook".

Neste Tutorial estarei adiantando o assunto da próxima Vídeo Aula. E mostrar como fazer este processo utilizando um programa muito conhecido, e que poderá auxiliar você neste processo.

Conhece o programa Colet?

Sistema Colet, download Grátis!
 O Colet trabalha com sistema de Coordenada baseado no sistema GeoOffice, da empresa "Furtado & Schmidt". O programinha é todo em português, simples e muito Fácil de usar.

O Colet, consegue importar dados de uma variedade enorme de equipamentos de Topografia.
Sistema Colet, download Grátis!
 Clicar na imagem para ver em tamanho real.

E exportar Cadernetas de Campo para os principais programas de Topografia que estão disponível no mercado, como TopoGRAPH, Grau Maior, Civil 3D, dxf para AutoCAD...

Sistema Colet para Topografia, download Grátis!
 Clicar na imagem para ver em tamanho real.

Este programa é aberto, totalmente gratuito, e você poderá Baixar e já começar a usar!



Baixou o Colet?

Tem um arquivo para teste? Se tem tranquilo, se não :)

 

Confira as imagens abaixo, e veja como é Fácil trabalhar com o Sistema Colet.

Na imagem abaixo, você pode conferir os dados brutos da Caderneta de Campo.

Primeira coluna (pt) Número do ponto, 2° Coluna(ds) nome ou atributo do ponto, 3° Coluna (ah) ângulo horizontal4° Coluna (av) ângulo vertical, 5° Coluna (di) dintância inclinada, 6° Coluna (ap) altura do prisma.

Sistema Colet para Topografia, download Grátis!
Clicar na imagem para ver em tamanho real.

Abaixo veja como Exportar arquivo brito do Estação Total da Leica TC307, extensão.GSI para o formato .FBK, que é o "fieldbook", ou Caderneta de Campo. Que é o formato que o AutoCAD Civil reconhece.

Sistema Colet para Topografia, download Grátis!
Clicar na imagem para ver em tamanho real.

 Nesta etapa você pode ver, como o Colet Exporta a Caderneta de Campo para o formato .FBK do AutoCAD Civil 3D.

Sistema Colet para Topografia, download Grátis!
Clicar na imagem para ver em tamanho real.

Mas antes é preciso primeiro importar este arquivo bruto, neste caso aqui nossa Caderneta de Campo que esta na extensão .GSI.

Sistema Colet para Topografia, download Grátis!
Clicar na imagem para ver em tamanho real.

Procure onde esta o arquivo com extenção .GSI, e peça para abrir, como mostra abaixo. Ok!

Sistema Colet para Topografia, download Grátis!
Clicar na imagem para ver em tamanho real.

Gostou?

E você ainda pode usar o sistema Colet, para transformar e exportar a outros tipos de Arquivos como por exemplo a extensão "ASCII", que é reconhecida e praticamente todos os programas de topografia, Agrimensura e outros muito comuns como o Excel.

Se inscreva no Blog para Receber Dicas Grátis sobre Topografia no AutoCAD Civil 2013!

Faça uma inscrição no nosso canal do YouTube e receba Postagens Automáticas.

Até a próxima!

Muito Sucesso pra você!


domingo, 17 de março de 2013

Topografia no AutoCAD Civil 2013! Como trabalhar com Cadernetas de Campo. Ligar Pontos Automaticamente e Muito mais!

Olá pessoal! Seja bem vindo ao Blog!

Você é Topógrafo? É Agrimensor? 

Trabalha na área de projetos, e precisa lançar pontos topográficos coletados no campo?

Tenho um notícia Muito importante para Você!

Curso de Topografia no AutoCAD Civil 2013 _ Aulas Práricas!Atendendo a pedidos, estarei agora postando dicas importantes sobre como trabalhar com Topografia no AutoCAD Civil 2013. Ok!

E na sequência, também estarei gravando uma série de Tutoriais em Vídeo Aulas, encinando passo a passo como Configurar o AutoCAD Civil, para iniciar um novo trabalho de Topografia.

Você irá aprender Montar um Banco de Dados, e deixar o Civil configurado para trabalhos futuros. Ok!

Então a primeira coisa a saber é que, Survey significa Topografia. Ok!

Imagine, que você tenha já um Levantamento de campo salvo no equipamento de topografia. Que por exemplo foi feito com um estação total, (Leica). Topografia no AutoCAD Civil 2013!

Então você precisa Descarregar este arquivo, e depois abrir em forma de "Carderneta de Campo", onde contem todos os dados brutos coletados em campo como, ângulos verticais e horizontais, distâncias horizontais e verticais, altura do aparelho, altura do prisma e tudo mais...

Mostraremos de forma Prática e objetiva como carregar todos estes dados no Civil 3D.

E desta forma você poderá poupar muito mais tempo, dinamizando e Automatizando todo o processo de criação de plantas topográficas no CD3.

Confira um exemplo abaixo, para ter uma ideia de como o CD3 é utilizado na Topografia.

 # Survey Networks (Redes de pesquisa)

Uma rede de pesquisa é uma série de linhas interligadas que representam as configurações de instrumentos, ou os pontos das estações da Poligonal, onde você estacionou o aparelho de Topografia(Estação total, teodolito, gps...). E também irradiados, pode ver as linhas dos pontos irradiados (pontos coletados no campo).

As linhas azuis representam as irradiações, ou as visadas feitas no prisma no caso de um levantamento feito com Estação total.

As Linhas em vermelho e os triângulos, representa a poligonal. (Alinhamentos e Pontos das estações). Ele contém todos os pontos de controle conhecidos e associados, onde mostra as configurações e observações.
 
A imagem abaixo mostra os componentes de Rede:

Dicas para trabalhar com Survey Networks( redes de pesquisa):

# Em um desenho, você pode passar o mouse sobre qualquer componente de rede para exibir uma dica de ferramenta com informações do componente.

# No desenho, selecione um componente de rede e clique-direito para opções para navegar para o levantamento de dados sobre a aba Survey, editar ou atualizar os dados.

# Em SurveyToolspace, você pode alterar a ordem de exibição da rede usando arrastar e soltar funcionalidade. Quando você arrastar e soltar uma rede está inserida depois que a rede sobre a qual ele é descartado. Arraste uma rede e solte-a na coleção Networks para que seja exibido primeiro na lista.

# Você pode arrastar e soltar uma rede da guia Pesquisa em Toolspace no desenho.

# Criar uma nova rede para cada fase de um projeto de levantamento topográfico.

# Criar uma rede de nova pesquisa para usar a janela de comando Pesquisa para realizar cálculos envolvendo pontos de outras redes de pesquisa existentes.

Gostou?

Se inscreva no Blog para receber as postagens Gratuitas!

Estarei postando dicas e Novas Vídeo Aulas também no YouTube.

Até a próxima!

Sucesso!

sexta-feira, 15 de março de 2013

Criando uma Base de Dados, para Levantamento Topográfico no Civil 3D 2013...

Olá! Seja Bem vindo ao Blog!

Pessoal, esta semana estarei iniciando uma série de Tutoriais em Vídeo Aulas, encinando como trabalhar com o AutoCAD Civil 2013 na Topografia.

Então como tudo na vida, temos que começar do inicio. Não é?

Como você já sabe, o CD3 possui diversas ferramentas para que o processamento dos dados Coletados no Campo (Caderneta de Campo). Mais conhecido no Civil como "Field Book" ou fbk.

No Civil 3D este processo fica muito mais Rápido, preciso e eficiente.

Então neste primeiro Tutorial, iremos criar uma Base de Dados para Topografia. Ok!


Passo #1_Criando uma Nova Base de Dados para Topografia.
 

Passo #2_ Criar um Novo nome para Base de Dados.

Passo #3_ Configurar e Editar os parametros da Base de Dados, e conferir as Únidades e Tolerâncias para o Levantamento Topográfico.

Passo #4_ Configurar o Sistema de Coordenadas (Zone), e sempre lembrar de conferir o Sistema de Unidades, sê esta realmete em Metros. Ok!

   Passo #4.1_ Confira abaixo o resultado que o Sistema de Coordenadas esta no SIRGAS 2000/UTM zona 23S,e Unidade em Metros.

 

 Passo #5_ Mude o Nível de Confiança de 95% para 99%. Faça uma revisão de Segurança e clique no botão OK!
 

Passo #6_ Agora vamos Criar uma Base de Dados para Equipamentos de Topografia.

  Passo #7_ Na caixa que irá abrir, você irá digitar o nome do Equipamento de Topografia, que foi utilizado no Levantamento de Campo. Neste caso estou utilizando um Estação Total da Leica TS09.

 Passo #8_ Nesta etapa você deverá Configurar a Base de Dados de para o Equipamento de Topografia.Ok! Só expandir a base de dados do equipamentos que já criamos anteriormente, note que contem um equipamento de nome "Sample", Clique com botão direito do mouse como mostra na imagem abaixo.

 Passo #9_ Na janela que se abrirá, como mostra abaixo. Digite no espaço indicado o mesmo nome utilizado para criar uma nova Base de Dados encinado no "Passo #1". (Topografia-1).
Já configurou Tudo? Então clique em OK!

Você já imaginou um Programa ligando todos os vértices (pontos), levantados no campo Automaticamente?

Sabia que o Civil 3D faz isso e muito mais?

O CD3 possui uma ferramenta chamada "Figure Prefix Databases", que significa você pode montar uma Base de dados para figuras, e que trocando em miudos simplesmente você padroniza um prefixo, ou abreviatura para cada seção de vértices (pontos), levantados no campo.

Por exemplo, um levantamento topográfico cadastral onde você irá cadastrar meio fio. Neste caso você pode configurar um prefixo "MF", entendeu?

O AutoCAD Civil liga todos os vértices (pontos), com mesmo prefixo. Ok!

Na próxima Aula esterei  abordando este assunto.

Confira abaixo o significado da caixa "Equipment Database Manager - Sample" de todos os intes e parametros encontrados nela.

Primeiro traduzindo quer dizer: "Gerente de Equipamentos de Banco de Dados - Amostra".

# Miscellaneous

* Name: Especifica o nome da configuração do equipamento.

* Description: Entre com uma descrição.

# Units:

* Distance: Especifica a unidade de distância a ser usada pelo equipamento. Alterando este valor, outras propriedades que usam ângulos serão alteradas, como por exemplo desvio-padrão.

* Angle: Especifica a unidade de ângulo a ser usada pelo equipamento.

# Angle:

*Horizontal Collimation: Especifica a correção aplicada a ângulos horizontais. O valor padrão é zero unidades de ângulo.

*Angle type: Especifica o tipo de ângulo horizontal. Right = ângulos medidos no sentido horário, Left = ângulos medidos no sentido antihorário.

*Vertical Collimation: Especifica a correção aplicada a ângulos verticais. O valor padrão é zero unidades de ângulo.

*Vertical angle type: Especifica o tipo de ângulo vertical.

*Zenith: Mede o ângulo vertical entre o zênite e o objeto observado.

*Horizontal: Mede o ângulo vertical em relação ao horizonte.

*Nadir: Selecione este valor para medir o ângulo vertical diretamente em baixo do observador e diretamente defronte o zênite.

# Electronic Distance Meter (EDM):

*Refractive Index: Especifica o índice refrativo, este valor é fornecido pelo fabricante do equipamento.

*Wave Constant: Especifica a constante do comprimento de onda do portador do EDM.

*Offset: Distância vertical entre o centro da mira e o centro do EDM.

*Measuring Device: Especifica o tipo de dispositivo usado para medir distâncias.

*Scope: O EDM está posicionado em baixo da mira, e gira junto com ela.

*Non-Scope: O EDM está posicionado junto da mira, e não gira junto com ela.

*Other: Selecione esta opção para qualquer outro tipo de dispositivo que não o EDM.

# Prism:

* Tilting: Especifica a correção para o offset do EDM e do prisma. Se a poção for NO, as fórmulas seguintes serão usadas para calcular a distância.

* Prism Offset: Especifica o valor em milímetros para o prisma offset, determinando a distância vertical entre o prisma e o alvo. o Prism Constant: Especifica o valor para a constante do prisma ( em milímetros), definindo a distância horizontal entre o prisma efetivo e seu atual posicionamento.

* Standard Deviations: Use estes parâmetros para configurar a precisão do equipamento.

* EDM Proportional Error (ppm): Especifique o erro  proporcional em partes por milhão associado ao EDM. Este valor é fornecido pelo fabricante do equipamento.

* EDM Constant Error: Especifica o erro constante associado ao EDM, em milímetros. Este valor é fornecido pelo fabricante do equipamento.

* Centering Error: Especifica o erro de centralização do instrumento sobre um ponto. O valor padrão é 1,5mm.

* Target Alignment Error: Especifica o erro de alinhamento do equipamento com o alvo. O valor padrão é 2,5mm.

* Pointing Error: Especifica o erro durante o apontamento do instrumento no alvo, em segundos. O valor padrão é 1 segundo.

* Horizontal Circle: Especifica o erro associado com a leitura do circulo horizontal, em segundos. O valor padrão é 1,5s.

* Direction Error: Especifica o erro de direção associado a leitura de um azimute. O valor padrão é 10s.

* Vertical Circle: Especifica o erro associado com  a leitura do circulo vertical, em segundos. O valor padrão é 1,5s.

* Prism Height Error: Especifica o erro em milímetros associado aleitura da altura do prisma.

* Theodolite Height Error: Especifica o erro em milímetros associado aleitura da altura do teodolito.” 

Até a próxima pessoal!

Sucesso!

segunda-feira, 11 de março de 2013

Adicionando Template _AutoCAD Civil 3D (Metric) NCS, para Sistema de Unidade em Metros no Civil 3D

Olá Pessoal! Tudo bem?
 
Dando continuidade ao ultimo Tutorial, sobre como cotar as Curvas de Nível no AutoCAD Civil 2013.
 
Você já tentou Cotar as Curvas de Nível, e apareceu um valor muito alto? Do tipo 12655.000?
 
Sê já, fique tranquilo!
 
Como estava lhe falando, primeiro gostaria de esclarecer este assunto para darmos continuidade a terceira Aula, e Aprender Passo a Passo como Cotar as Curvas de Nível com as Elevações corretas, não é?
 
Ou seja, tem que aparecer as Altitudes reais do levantamento. Ok!?
 
Então preparei umas imagens, e acredito que ajudaram muito. Mas na Vídeo Aula estarei falando mais sobre isso também.
 
Confira as imagens abaixo, e veja como adicionar um Novo Template com Unidade de Medida em Metros, ao trabalho.
   
Passo #01_ Adicionar Template _AutoCAD Civil 3D (Metric) NCS



Passo #02_ Selecione na Aba "File of type" a Extenção (*.dwt), Clicar no Botão Open.


Passo #03_ Só escolher qual Layout deseja adicionar o Template, e Clicar em OK!

 

Passo #04_ Então Salve o Arquivo DWG do Projeto, em uma Pasta.


Confira na Figura abaixo o resultado, de como ficara, o resultado final utilizando o Templete Corretamente.
 
Note que o valor da Elevação ficou Correta, ou seja em Metros!


Então até a próxima pessoal!

Logo mais estarei postando a Nova Vídeo Aula, Encinando Cotar as Curvas de Nível.

E também mostrando como adicionar o Templete no Civil 2013, para trabalhar com a Unidade de Medida corretamente, que nosso Padrão, em Metros. Ok!

Sucesso a Todos!


quinta-feira, 7 de março de 2013

Como Importar Superfície com Curvas de Nível do Google Earth para o AutoCAD Civil 2013...

Veja Como Importar Superfície com 
Curvas de Nível do Google Earth_Parte #1


Precisando Importar Curvas de Nível para uma Área Específica?

Você tem um Levantamento Planimétrico, e deseja incluir uma Superfície nele?

Quer fazer isso de um Jeito Rápido e Fácil!

Então Aproveite!

Neste Vídeo você aprenderá como Exportar a Área do Levantamento Topográfico, Planimétrico para o Google Earth.

E depois Importar Toda Superfície desta Área Levantada, incluindo as Curvas de Nível com os pontos de interpolação, MDT e tudo mais...

Na segunda parte desta Aula, estarei encinando como Configurar o Intervalo das Curvas de Nível, e outras dicas bem Legais no AutoCAD Civil.

Inscreva-se no Blog e receba Dicas e Víde Aulas Grátis!

Até a Próxima pessoal!

Sucesso pa todos!!!



quarta-feira, 6 de março de 2013

NOTA DE SERVIÇO_ Padrão DER_ AutoCAD Civil 2013...

Novos Tutoriais para AutoCAD Civil 2013!
"Relatórios e Tabelas de Projeto Viário"
 
 
 
Aprenda como utilizar o Novo Template DER-SP.

É necessário instalar o "Coutry Kit Brazil" que para acessar o Novo Template.

Então você terá acesso a faixa de opções "RELATÓRIOS", que apresenta Relatórios adaptados em Português.

Nas Vídeo Aulas Abaixo, utilizaremos os Relatórios em Português.


 Nota de Serviço no Civil 2013


Assistir em Alta Qualidade?  

Click no  
Altere para HD 720p

Nesta Vídeo Aula você verá Como Gerar Notas de Serviço no AutoCAD Civil 2013.

Caso você tenha instalado o
"Country Kit Brazil", com o Novo Templete do DER-SP.

Então terá acesso a faixa de opções
"RELATÓRIOS", que já apresenta Relatórios adaptados em Português.

Nas Vídeo Aulas seguintes utilizaremos os Relatórios em Português para fazer os Exercícios.

O Civil 3D oferece uma série de relatórios sobre diferêntes tipos de objetos.

Os relatórios disponíveis são mostrados na janela
"Toolspace", na guia "Toolbox" como você pode conferir na Vídeo Aula.

No AutoCAD Civil 3D 2013, é possível gerar relatórios de diversos elementos como:
* Alinhamento
* Perfil Longitudinal do Terreno natural e Greide do Projeto.
* Notas de Serviço com os dados das Seções Transfersais.

Confira também os Novos Tutoriais abaixo:

Curso AutoCAD Civil 2013! Aula #1_Template DER-SP
Gerar Relatórios de Alinhamento Horizontal...
 
http://youtu.be/P_Mf8zmQ8mQ
 

Curso AutoCAD Civil 2013! Aula #2_Template DER-SP
Como Gerar Relatórios do Perfil Longitudinal...

http://youtu.be/38C_6PDcu-E


  
Logo mais estaremos postando mais Tutoriais Novos sobre a Nova Versão o AutoCAD Civil 2013!

 Inscreva-se em Nosso Canal do YouTube!

Recebe Vídeo Aulas e Dicas Grátis!



 Muito Sucesso!

Até a próxima!